Gauchismo Zero

cabecalho-do-post-blog-do-flamenguista-2

Fiz o papel de advogado do “coisa ruim”, no post passado, argumentando que o Simon não tinha errado de maneira tão grotesca, para todo esse circo.
Mas, cresci sabendo (talvez até um preconceito criado pelo meio nordestino) que salvo raras exceções, gaúcho era um ser macho; sem frescuras. Grande decepção foi a minha com você, caro Carlos Eugênio.

Expulsar um jogador alegando “peitada nas costas”?

Primeiro, foi admitir que o Tardelli não falou nada demais para ele, pois caso contrário, o juiz não perderia a chance de incluir essa desculpa na súmula.
Em segundo, veja o vídeo:

O Tardelli pouco toca nele e, mesmo assim, toca com a mão.
E não se pode dizer que “ele achou que fosse o peito”, pois a súmula pode ser feita a qualquer hora, até mesmo um dia depois. Simon poderia (e deveria) muito bem ter visto o lance.

Ele viu a besteira que fez e tentou transferir a responsabilidade. Exatamente como faria um covarde, que se esconde atrás de um cartão rubro.

SRN

UPDATE! Olha o que eu disse: Simon mesmo revendo o lance pela TV, manteve sua posição. Com isso, perdeu toda a razão que eu tinha dado a ele. Porque na hora, ele podia não ver; mas revendo, só sendo muito cego. Não foi homem o suficiente para admitir que errou.

Explore posts in the same categories: Fala Doente!

Tags: , , , ,

You can comment below, or link to this permanent URL from your own site.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: